BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS »

Para leitores e escritores de RPG e também de literatura em geral.

Durante à noite, quando estamos sonolentos, à beira da consciência, em sua margem: somos transportados para um mundo onírico - cheio de fantasia e perigo; tanto selvagem quanto profano. Sonhamos, imaginamos!

Venha, imagine também, participe e analise contos, fundamentados em RPG, mas fortalecido e criado por tecnicas literárias; "a se ela deslisasse por meus comentários sobre literatura, veria que há mais que jogo no roleplayingame"

17 de maio de 2010

Mago: A Ascensão - o degenerado.


Abaixo, seguem os relatos de um caído...(em breve, mais dados serão divulgados...).
“Se foi isso que escolheram, então, assim será: eu me recolho em meu leito escuro, deito, sonho; sou atendido. Meu senhor diz que minha raiva será meu prazer e torno-me uma máquina de prazer...Raiva? Não, ela se vai, transmutada em uma alegria pulsante, viril, para mim...Os gritos não são ouvidos, numa favela onde a população escuta musica ensurdecedora até a madrugada. Meu culto, um punhado de fiéis, agradece ao anjo convertido e os gritos continuam...
Minha atração sexual por outros do meu sexo era mal compreendida, tudo bem. Foda-se, agora não tenho mais que levar porrada na cara de um falso moralista aposentado, ou de uma vaca que me criou como um barão cria um escravo. Não preciso mais de recipientes para depositar minhas expectativas, meus amores; sou agora, movido a prazer, dor e sangue. Meus senhores agradecem...”

15 de maio de 2010

Pactos Sombrios em Istambul(Vampiro: a Máscara)


Osíris desperta, o pai do mundo sombrio. A tempestade espiritual – Djah-Akh – investe contra o Deus. As teias da fé se tornam o lar do senhor dos mortos, a tempestade despedaça seu reino...

Um novo Feitiço da Vida surge, ressurreição plena, graças a Osíris, que preenche de energia e esperança, todos os servos que lhe foram fiéis, muito antes que Cristo ou Maomé pisassem na terra.

As múmias ressurgem, como soldados de Osíris contra as forças corruptoras de Apophis – o senhor da destruição – e seu campeão, Set – irmão traidor.

Uma múmia em especial, se torna uma fundamentalista – um arauto da causa, e tem seu planos traçados, sem se preocupar com escrúpulos, barganha com os servos de Apophis, os vampiros...

Enquanto isso, a Camarilla percebe que as situações político-econômicas da Turquia, são favoráveis à expansão de suas influencias nos governos humanos. Entretanto, a Turquia é lar do clã mais temível de vampiros, os assassinos Assamitas...

Um contrato surge: cinca Membros assassinos e destemidos, são contratados para auxiliar a Camarilla contra os alvos Assamitas.

Um Lasombra, dois Gangreis, um Seguidor de Set e um Nosferatu – todos assassinos contratados para matar assassinos...

O desfecho natural seria o conflito entre a camarilla e os Assamitas, no entanto, existem mais coisas nos desertos secos do Oriente Médio, do que os vampiros esperavam e surgem os soldados de Osíris, com ardis no começo, com barganha, jogos duplos, e espionagem; depois vem o choque de conflitos, e o arauto da guerra, clama por sangue vampiro...